sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Serenitate

''Se eles não têm pose
Nem maldade
Eles não têm culpa
Nessa cidade
Eles não sabem amar.
Coisas da vida''
Vanessa da Mata.

Por que culpamos tanto uma pessoa quando ela nos machuca? Por que gritamos, choramos e criamos histórias sem nem mesmo procurar saber o que aconteceu?
Confesso que já fiz isso. Muitas vezes.
Com isso, distanciei-me de amigos e perdi amores.
Hoje tento manter a calma e viver apenas o que realmente aconteceu e não o que eu imagino que aconteceu.
Calma. Acho que é essa a palavra de ordem!
Calma para ouvir, para falar, para entender.
Mas cuidado...Calma não significa acomodação e nem mesmo paciência. Significa sabedoria para agir.
Sabe, confessor, acredito que uma pessoa serena compreende muitas coisas que antes pareciam não ter um porquê. O desespero não nos deixa ver razões que saltavam aos nossos olhos.
Razões estas que não nos fariam perder tantas oportunidades de ser feliz.
Gostaria de escrever um texto lindo, envolvente, com citações bonitas mas não consigo.
E respeito isso.
Apenas aceito e me acalmo.

Luana H.

13 comentários:

Sammyra Santana disse...

Luh, que bom que gostou do barulho das Chicas! queria outro show delas por aqui...

Menina, eu tô sem muita paciência pra ter calma... minha ansiedade não tá deixando... mas eu quero conseguir! De verdade!

Beijooo

Dama de Cinzas disse...

Estou em busca da minha serenidade interior... Onde ela está?

Beijocas

ºDreº disse...

Obrigada
Semana cultural foi ótema ontem!!!
Adorei.
Nem fikei nervosa... uhasuhah
Sérioo, eu era a mais calma.
Beijos

Robs disse...

Oi Lu....todos os dias da minha vida luto por essa calma que vc fala.

As vezes eu fico desesperada com as coisas que acontecem sem saber o real motivo do acontecimento.

Fico precipitando suposições sabe? Mas um dia eu chego la...rsrsr

Bjos linda!

Bonecah de Pano disse...

Oiii Luuuh!
Tudo beeem?
Obrigada por ter visitado meu blog!
Adorei mesmo!
E peguei mto bem com o seu blog.
Adorei o texto, e confesso que também já perdi mtas amizades e amores por culpar, xingar e ver pêlo em ovo!
Mas é errando que se aprende!
Adorei o texto.
Visitarei constantemente!
Beeijo.

Bill Falcão disse...

É como você disse mesmo, Lu: "Calma não significa acomodação e nem mesmo paciência. Significa sabedoria para agir."
Quase ninguém consegue isso. Às vezes, a gente consegue, mas perde depois.
Mas, é um post que me faz entender bem porque eu sou seu fã!
Bjooooooooooooo!!!!!!!!!!

Tiago disse...

E diante de algumas situações basta que acalmemos nosso coração

E já basta..
No mais
Td vai ficando bem
Né minha querida?

Bjo
Excelente Semana

Lua. disse...

Isso me lembrou essa música:
"Não adianta chorar, se descabelar, achar que é o fim!
O mundo não vai acabar, não sem me avisar, não vai ser assim!
Ou você sabe algo que eu não sei!"

Bidê ou Balde.

Adorei o texto!

Desventuras em Série disse...

Oii, tudo bem?
Achei seu blog no blog de uma amiga e te linkei...
Adorei o texto, comigo acontece muito disso também. Essa semana mesmo aconteceu isso de brigar, espernear e não ouvir o que a outra pessoa tem a dizer, tentar se explicar...
O problema é que quando a coisa feita nos machuca demais, fica muito difícil de querer ouvir explicações.
Adorei...beijãão.!

bibi disse...

eeh. tbm jah passei por isso. realmente o desespero nao deixa nos ver exatamente oqe esta acontecendo...

mas nem sempre conseguimos nos lembrar de manter a calma.
e fala serio... vce escreve mto beeem. qe raiva :P ksaopksoakso³

http://diarioderolos.blogspot.com

Dani disse...

Finalmente discubri o significado de 'calma'. Eu acho que eu precisava disso! (:
Lindo demaiiis

Desventuras em Série disse...

Sumida.!!
Volte a postar..!!
xD

Bonecah de Pano disse...

Luhh.
Vim aqui só pra você não esquecer de mim.
Tô sempre por aqui viu lindona?
Sempre visitando seu blog.
E sentindo falta de seus posts jah!

Beeijo.