sexta-feira, 13 de junho de 2008

Proteção

''Nunca ninguém sabe se estou louco para rir ou para chorar. Por isso o meu verso tem esse quase imperceptível tremor... A vida é louca, o mundo é triste: Vale a pena matar-se por isso? Nem por ninguém! Só se deve morrer de puro amor...
Mário Quintana''

Perdera os olhos de criança. Olhos que pediam proteção, abrigo, cuidados e voz baixa.
Agora oferecia segurança, cuidado, conforto, sorrisos.
Perdera a capacidade de não chorar diante dos problemas, do medo, da alegria e, principalmente, diante dela mesma.
Tinha a impressão de que todos achavam que ela não precisava de proteção, afinal era ela a protetora.
Não...ela não perdeu a alma de criança. Ainda precisa de proteção.

Luana H.

3 comentários:

Robs disse...

Por mais forte que podemos parecer ser, sempre precisamos de proteção.

ps: adorei a nova cara do blog!

Davi Arloy disse...

E espero que continue assim. Ser adulto (pelo menos na mente) é MUITO chato.

Gustavo Paiva disse...

Nossa, Lu! Há quanto tempo nao venho aqui! aiuhsiuahsuahisuha

Mas tá muuuuito lindo!

Todos nós precisamos de proteçao nao eh? Nem que seja o minimo...

^^

Parabens!